doencas-causadas-por-baratas

Problemas com baratas são os mais comuns em residências e empresas em geral. O que as  pessoas não sabem é que existe uma forma diferenciada para exterminar cada tipo de barata. Temos grande experiência no controle e manejo deste tipo de praga.

As principais espécies de ocorrência no ambiente urbano domissanitário são a Blatella Germanica, também conhecida como barata francesinha ou barata de cozinha e a Periplaneta Americana, tambem conhecida como barata de esgoto. Outras duas espécies tem ocorrido com menos frequéncia em áreas urbanas, mas não apresentam papel acentuado como pragas até o presente  momento. São a Supella loqipalpa e a Blatta orientalis.

Formas de infestação e dispersão:

Baratas tem locais típicos de proliferação, conforme a espécie. As galerias subterrâneas de serviços e suas tubulações representam os ambientes primários para as baratas de esgotos. Destes pontos, elas dispersam para o interior de estabelecimentos comerciais, industriais e residenciais, podendo estabelecer colônias. São baratas invasoras.

As baratas francesinhas são características de áreas de manipulação de alimentos. Dispersam-se, com muita facilidade, através de embalagens, abrigando-se nos espaços internos e dobraduras de caixas de papelão, sacos plásticos e qualquer outro material.

O fluxo de mercadoria de grande depósitos para áreas de estocagem interna e destas para áreas de preparo de alimentos pode acarretar a dipersão de baratas francesinhas.

Em hospitais, é bastante comum a dispersão destas baratas, através dos carrinhos de transporte de refeições, da cozinha para outros setores. De um modo geral, quando se percebe baratas francesinhas em locais de escritórios ou quartos, pode-se deduzir que a infestação seja alta.

A observação de baratas durante o dia também significa uma provável alta infestação. Na alta infestação, as baratas se dispersam de forma indiscriminada, ocorrendo generalizadamente em qualquer tipo de ambiente.